Manutenção dos Pneus: Tudo o que você precisa saber

Hoje vamos falar sobre manutenção dos pneus, quais os detalhes que você precisa saber. Como cuidar, como fazer a manutenção necessária e como aumentar o ciclo de vida dos pneus do seu veículo.

Autos
2 meses atrás
Manutenção dos Pneus: Tudo o que você precisa saber

Quando é preciso fazer manutenção nos pneus

Quando se falamos de manutenção no veículo, estamos falando de segurança, onde tudo o que não pode faltar é isso, pois há diversos problemas que possa causar acidentes por não saber como anda a saúde do seu carro, por exemplo, os pneus, é sempre bom que sejam do mesmo modelo.

Um fato importante é quando um pneu é diferente do outro, isso pode causar dificuldades ao frear o veículo e também na direção que pode puxar para o lado, cada tipo de pneu possui desenhos diferentes, quando no automóvel há pneus desiguais, principalmente no mesmo eixo a situação pode se agravar ainda mais, em caso de dias chuvosos o risco é ainda maior, os desenhos nos pneus tem as suas serventias, por isso é recomendado que todos sejam do mesmo tamanho e modelo.

Vida útil

Os pneus podem ser diretamente afetados de acordo com o modo que você conduz o veículo, quando usado de maneira inadequada os pneus tem seus desgastes mais rápidos e desproporcional, os pneus são projetados para que você possa ter uma direção tranquila e macia do seu veículo, se você o usar inadequadamente como freadas bruscas fazendo o veículo derrapar, ou muita aceleração fazendo ele “fritar” como se dizem por aí, seus pneus terão sua vida útil menor do que foi previsto por seus fabricante.

Aqueles que realizam diversos testes antes de colocá-los para rodar, podem gastar um lado a mais do que o outro, isso ocasiona no chamado desalinhamento do veículo, a direção começa a puxar para um lado ou pode ficar trepidando.

Quando se deve calibrar os pneus

Outro ponto muito importante é sobre andar com os pneus descalibrados também interfere muito na sua vida útil, se estiver murcho de mais o veículo também tende a puxar para algum lado, além de que ele pode começar a rachar, e isso não é nada bom, além de que quando calibrado corretamente evita desgastes excessivos de combustível, cada automóvel possui uma devida calibragem para seus pneus, essa informação é fornecida pelo fabricante, e é extremamente importante que os pneus não estejam quentes quando for calibrar.

Conduzindo com segurança

Seguindo todas as orientações corretas dos produtores dos pneus você está contribuindo com a sua segurança, também no consumo de combustível e no conforto da direção do seu veículo, existem pneus recondicionados que são recomendados para o uso, evite andar com os pneus careca, isso irá prejudicar muito na direção do veículo.
Exemplificando quando estiver chovendo, ainda com os pneus desgastados você tem grandes chances de sofrer algum tipo de acidente, pois eles poderão derrapar ao frear o veículo, além de que você pode ser multado caso seja parado em uma blitz e ainda ter o veículo apreendido.

Pneus riscados ou remarcados

Uma dica muito importante é de nunca usar pneus riscados, método realizado em borracharias, esse tipo de procedimento desgasta ainda mais o pneu, é refeito os desenhos que servem justamente para estabilizar o automóvel, causando perda de aderência, má estabilidade, os pneus podem estourar devido à alta remoção do seu capeamento, além de que é proibido a utilização do mesmo, ele perde totalmente a segurança que deve lhe oferecer, os pneus possuem um limitador, isso se trata de uma marca que fica entre a ranhuras dos pneus, conforme o pneu vai desgastando esse limitador vai ressaltando, quando ele atingir a superfície do pneu, isso quer dizer que está na hora de fazer a sua substituição.

Há pneus que possuem seu esvaziamento limitado, Pneus Run Flat, é um tipo de pneu de rodagem sem pressão, com soluções tecnológicas, possuindo reforço em suas paredes que pode rodar mesmo quando houver perda de pressão, isso permite que o veículo possa continuar andando a uma velocidade limitada de até 80 km/h durante uma distância aproximada de 80 km.

É necessário que o automóvel seja preparado pela empresa fabricante para que seja possível usar os referidos pneus, o automóvel recebe sensores que medem a pressão dos pneus, isso vai deixar o condutor ciente da calibragem, a suspensão do carro passa por processo de adaptação para poder usar esta modalidade de pneumáticos e as rodas também precisam ser adequadas para esse tipo de pneu.

Caso esse ele seja usado em rodas que não são preparadas para esse modelo, poderá ser danificado quando rodar sem pressão.

Apesar desse tipo de pneus serem mais duros que os convencionais, não fazem com que o condutor sinta qualquer tipo de desconforto ao dirigir, os denominados pneus verde são pneus ecológicos, isso por ser produzido através de um composto especial que causa redução do atrito com o asfalto.
Quando o atrito é reduzido, o motor trabalha com quantidade menor de força para movimentar o automóvel, isso ajuda na economia de combustível, percorrendo a mesma distância que iria ser com pneus comuns, além de que esse tipo de pneu garante mais segurança aos motoristas.

Motor Poderoso

Aqui nós escrevemos mais que sobre os carros, motos e afins, nosso site é voltado para quem quer saber detalhes ou tem dúvidas sobre questões técnicas, design, até custo benefício de veículos famosos ou exclusivos, populares ou aqueles que saíram de linha.

Vamos Bater um Papo?